ecotaxiJá vi este tipo de bicicleta-táxi em vários lugares do mundo. A ideia nasceu, na verdade, em Berlim (Alemanha) em 1997. No Japão, diversas cidades adotaram o sistema. Em Tóquio, nos principais bairros turísticos é possível encontrar alguns deles rodando pela rua. A grande vantagem, propagam os defensores deste sistema de transporte, é a baixa emissão de CO2.

Com a atual discussão sobre conservação do meio ambiente e meios de controlar a emissão do dióxido de carbono, sem contar o cada vez mais caótico trânsito nas grandes cidades, o “ecotaxi” pode ser uma boa solução.

Outro dia andei em um. O que achei bacana é que o ciclista/condutor, além de te levar para o lugar determinado, conta coisas interessantes sobre os lugares pelos quais vai passando. Eles oferecem também tours de 30 minutos ou 1 hora.

Aproveitei e sondei a profissão. Eles ganham bem, apesar de todo esforço físico que fazem. Tiram em média, segundo meus cálculos, cerca de 20 mil ienes por dia (quase 200 dólares), o que daria uns 500 mil ienes (cinco mil dólares) se trabalhar 25 dias por mês e tiver pelo menos dez clientes por dia. Nada mal. Mas eles têm de fazer curso, a bicicleta é cara e tem de ter uma licença especial para trabalhar.

Quando fui à Munique (Alemanha), também andei em um ecotaxi. Lá, a maioria dos ciclistas/condutores é imigrante do leste europeu. E a média por lá é de 250 euros por dia (cerca de 25 mil ienes). O diferencial é que na capital da Bavária você pode alugar facilmente uma destas bicicletas e não precisa de licença especial. Uma boa opção de bico para as férias não?

Aqui um link útil sobre o ecotaxi no Japão: http://www.velotaxi.jp/

I’ve seen this type of bicycle-taxi in various places around the world. The idea was actually born in Berlin (Germany) in 1997. In Japan, several cities have adopted the system. In Tokyo, you can find some of them running down the street of the main tourist districts. They say the big advantage of this transport system is the low CO2 emissions.

When we think about the current discussion about conservation of the environment and ways to control the emission of carbon dioxide, not to mention the increasingly chaotic traffic in big cities, “ecotaxi” can be a good solution.

The other day I tested one. The interesting thing is that the rider/driver not only drives you to the specific place but also tells you interesting things about the places you pass through. They also offer 30 minutes or 1 hour tours.

I was excited and did a simple research about this profession. They earn well, despite all physical effort they make. They can earn, according to my calculations, about 20 thousand yen per day (almost $ 200), which would give about 500 thousand yen (five thousand dollars) if you work 25 days per month and have at least ten customers per day. Not bad. But they do have to do a course, the bike is expensive and must have a special license to work.

When I went to Munich (Germany), also used a ecotaxi. There, most riders/drivers are immigrants from Eastern Europe. And there they earn an average of 250 euros per day (about 25,000 yen). The difference is that in the Bavarian capital you can easily rent one of these bikes and requires no special license. A good option for vacations, don’t you think so?

Here a useful link on ecotaxi in Japan: http://www.velotaxi.jp/

Jornalista, paulista, amante de boa comida, de gatos, de teatro, de livros e de tudo de bom que a vida oferece. Um dia, meu avô resolveu enfrentar o desconhecido. Chegou ao Brasil, de mala e cuia, sem falar o português e lá criou os filhos. Agora, faço o caminho inverso e, a cada dia, descubro os fascínios da "terra do sol nascente".

4 Comment on “Ecotaxi

Leave a Reply to adelia Cancel reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out /  Change )

Google photo

You are commenting using your Google account. Log Out /  Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out /  Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out /  Change )

Connecting to %s

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.

%d bloggers like this: